Game of Thrones #1: The night is dark and full of spoilers

O inverno chegou finalmente e com ele a frase tão temida por todos “The night is dark and full of…” SPOILERS. Com uma nova temporada e sem muito tempo para ver, há pessoas que desistem de ir às redes sociais com receio que possam ver o que não querem.

Mas para quem já viu o primeiro episódio da temporada 7 de Game of Thrones, é quase impossível não comentar, tendo em conta o tempo que se esperou por isto. Por isso… BRACE YOURSELVES, SPOILERS ARE COMING!

giphy (10).gif

Metemos play e temos logo uma cena épica com o Walder Frey a dar outro banquete ao estilo de Red Wedding… Mas bem, se bem se lembram, a Arya tratou do assunto ao degolá-lo, logo… já sabemos o que aí vem. Com um discurso, digamos, revelador, Arya descreve especificamente como é que o grupo de pessoas ali presente matou a família Stark e propõe um brinde a isso. E ao mesmo tempo que faz isto, estamos nós bué tristes a relembrar o Red Wedding all over again, enquanto ela vai entoando palavras de vingança ao ver todos a morrer envenenados. Como ela diz… “Leave one wolf alive and the sheep are not safe.”. 

Só há uma coisa a dizer: AIIIIIIIIIIIIIIIIII. QUE VINGANÇA BRUTAL!! F**** ARYA!! ESTAMOS TODOS CONTIGO. THE NORTH REMEMBERS!!!  (desculpem o entusiasmo.)

“When people ask you what happened here tell them the North remembers. Tell them winter came for House Frey.” – Arya Stark

giphy.gif

*que saudades que já tinha de cantar o genérico*

Um nevoeiro surge… Não é São Sebastião, é pior do que isso. Os White Walkers marcham em peso e têm com eles gigantes (a última vez que vimos um, morreu na Batalha dos Bastardos). Vemos que o olho do gigante está branco e passamos para outra imagem… Adivinhem só quem chegou à Muralha? Bran Stark e Meera!! Todos espatifados e Bran a “fazer” warg em quem? Já perceberam. Ele sabe que os mortos estão para chegar.

Como vamos na onda da aparição dos Stark, os ânimos aquecem em Winterfell, quando Sansa decide interromper uma ordem de Jon porque tinha uma opinião diferente. E por um momento, há ali uma pequena tensão que mais tarde é quebrada. Já na Battle of Bastards, ela tinha provado que é osso duro de roer, mas vê-la a enfrentar Jon à frente de todos fez com que eu tivesse mix feelings… Por um lado, apetecia-me bater-lhe por estar a interrompê-lo, mas por outro lado, queria aplaudir a situação porque foi a primeira vez que deixei de achar que ela era sonsa (grande trocadilho!). Mais tarde, Sansa diz a Jon que ele tem jeito para liderar mas que ele se está a esquecer de Cersei que não pára enquanto não derrubar os inimigos mas ele continua mais preocupado com os White Walkers.

giphy (9).gif

E a Lyanna Mormont? Esta miúda merece tudo, nem sei como é que ainda acham que ela ia rejeitar uma luta. Por favor…!!! You go, girl!

Até agora, um início inquietante, sem dúvida. E eis que temos a primeira cena com Cersei e Jaime Lannister a olhar para um mapa que ela mandou pintar. “Enemies to the east. Enemies to the west. Enemies to the south. Enemies to the north”. Ela sabe que está rodeada deles (ou que eles é que vão estar encurralados por ela, mais tarde ou mais cedo). É chocante ver o ponto a que ela chegou. A mãe leoa, que antes fazia tudo pelos filhos, é a primeira a dizer ao irmão que não podem ficar de luto por eles e que Tyrion estava a lutar do lado errado e que tinham de fazer algo quanto a isso. Assustador no mínimo.

O que é igualmente creepy é o que acontece a seguir, quando Euron Greyjoy chega a Kings Landing com uma conversa de que quer casar com Cersei e que lhe dava apoio com a Frota de Ferro. Mas ela rejeita a proposta porque acha que ele não é confiável, até porque matou o próprio irmão para ser o rei das Ilhas de Ferro. Ao que ele responde que ela devia experimentar fazer o mesmo, o que irritou Jaime ainda mais. Euron vai-se embora dizendo que se conquista uma mulher com um presente e que não volta ali sem um. O meu palpite é que ele vai atacar Dragonstone, como já se “prevê” nos trailers desta temporada.

giphy (7).gif

Rodeado de cócó, literalmente, vemos finalmente Sam na Citadela onde tem um trabalho um bocado ingrato. E ele continua a querer descobrir como é que pode derrotar os White Walkers e ele acredita fielmente que o segredo está na área restrita aos mestres da biblioteca onde trabalha. Logo, o que é que ele faz? Rouba a chave… e alguns livros, claro. É neles que descobre onde se encontra uma montanha cheia de vidro de dragão, agora que já sabe que os White Walkers morrem com isso (rever o episódio de Hardhome). Mais tarde, vemos Sam a recolher pratos de comida e um braço cheio de greyscale e ouvimos uma voz a perguntar se a Khaleesi já “chegou”. Sabemos que é Jorah Mormont que deve ter ido para ali tentar descobrir uma cura, agora que a doença piorou. Há a teoria de que, como Shireen estava q.b. curada da mesma doença, podia-se dever ao sítio onde ela foi criada, Dragonstone, o mesmo sítio onde está a montanha.

 

giphy (3).gif

Finalmente vemos o Thormund a engatar a Brienne e uma cena que nunca esperei ver… Quando Littlefinger vai falar com Sansa, como vemos no trailer, ela responde-lhe com uma indiferença brutal, como quem diz “já não sou uma criança para me conseguires manipular”. Good for you, Sansa!!

game-of-thrones-saison-7-episode-1-les-5-677x450.jpg

E eis que é chegado o momento em que se confirma a aparição de Ed Sheeran na série. Ainda por cima a cantar!! Rendemo-nos logo e não somos os únicos. Também Arya pára para o ouvir. Quando se senta com os soldados Lannister que encontra, eles perguntam-lhe o que faz uma menina sozinha a ir para Kings Landing e quando ela diz que vai matar a rainha, todos se riem. Mal eles sabem que muito provavelmente vai mesmo. Claro que a Internet encheu-se de jokes com as músicas do Ed e esta cena. Aconselho-vos a verem. Muito funny!

giphy (5).gif

Voltamos a ver o Hound, com o Dondarrion e companhia, todos seguidores do Senhor da Luz. Depois de uma conversa em que Clegane volta a reforçar que não percebe como é que Dondarrion ainda não morreu de vez e que não acredita em nada do que eles dizem, eles incentivam-no a olhar para o fogo (que ele teve sempre medo depois do que o irmão lhe fez) e ele tem uma visão dos mortos a virem. Não me digam que agora ele também vai virar crente do Senhor da Luz. How ironic.

giphy (8).gif

Finalmente, o momento mais aguardado (para mim, claro)… Daenerys chega a Dragonstone, o sítio onde nasceu! É todo um momento em que não é proferida uma palavra, desde que chegam de barco, até subirem as escadas e abrirem os portões, com vista para o castelo todo, ela a tirar o brasão do Stannis, a ver o trono onde o pai outrora se sentou, até chegar à mesa com o mapa que vemos no trailer. Todo um momento intenso para nós, emotivo para ela, sempre acompanhada de Missandei, Grey Worm e Tyrion.

giphy (1).gif

giphy (4).gif

O episódio acaba com ela a dizer: “Shall we begin?”.

giphy (6).gif

 

 

 

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s